O projeto de prevenção ao fumo (PLS 769/15), de autoria do senador José Serra, foi aprovado no dia 20 de março, na Comissão de Assuntos Sociais do Senado Federal, com parecer favorável do senador Humberto Costa. Agora, o PLS segue para a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). A Associação de Combate ao Tabagismo orienta a que mobilização deve continuar.

A ACT conseguiu outra vitória: reverter a votação da enquete sobre o projeto de prevenção ao fumo, porém precisa do apoio de todos para a aprovação do PLS na CCJ. Para apoiar o projeto, vote SIM no site do e-Cidadania.

O PLS 769/2015 propõe a proibição total da propaganda de cigarros e do uso de aditivos de sabor nos produtos, estabelece embalagem padronizada e, também, altera a Lei nº 9.503 do Código de Trânsito Brasileiro, para configurar como infração o ato de fumar em veículos, quando houver passageiros menores de 18 anos e grávidas. As medidas são essenciais para a prevenção ao fumo e importantes para evitar que mais pessoas, especialmente jovens e adolescentes, comecem a fumar.