Na Odontologia tem uma máxima que diz ser a boca a entrada da saúde, mas também da doença. É com a boca, os lábios e o sorriso de dentes saudáveis que expressamos a alegria, a tristeza, as palavras de ternura, a raiva, mas também a preocupação e a angústia que tem marcado nossos dias pela vida de todo o mundo contra o Coronavírus. Nós, cirurgiões-dentistas, temos a enorme responsabilidade de cuidar e oferecer o necessário suporte à saúde bucal do ser humano, a começar pela prevenção de doenças que tem porta de entrada pela boca. Atravessamos um período em que nossos jovens e muitos de nós da classe produtiva não chegaram a conhecer, o de guerra. Não só todos os brasileiros mas o mundo inteiro está atravessando um momento que não é de guerra mas avassalador e tão destrutivo quanto uma batalha mortal.

Vai sair ileso aquele que é responsável e está sempre atento à sua saúde, mas isto não basta. O papel que nossos profissionais desempenham coloca a categoria à frente de um embate duro de vencer e que tem como arma a prevenção, única aliada do ser humano neste momento. Os lábios, dentes sadios, a língua, a garganta tem importância fundamental tanto na proteção de todo o corpo, pelo que leva ao organismo, tritura e deglute para ser ingerido, desde a nutrição, até a doença quando não há saúde bucal, um fator de enorme risco. Uma boca saudável é uma aliada à saúde geral, sempre com prevenção.

A nossa geração, a de nossos idosos e a dos nossos filhos estão vivendo uma batalha ainda sem armas conhecidas para debelá-la. Mas nós, cirurgiões-dentistas, somos mais de 300 mil no Brasil – entramos nessa luta como profissionais de saúde que se engajam nessa batalha para manter a saúde bucal de nossos pacientes obedecidas todas as regras para permitir que possamos desempenhar, com segurança, nosso papel e ajudar a salvar vidas.

Nossas entidades brasileiras unidas – ABCD e APCD, CROSP, ABO e Abimo além das representações internacionais da Odontologia estão ativamente empenhas. No Brasil devemos todos nos engajar nesta batalha. Conclamamos todos os nossos profissionais a fazerem parte desta luta que agrega médicos e cientistas e toda a rede mundial de saúde a lutar, lado a lado, para salvar vidas nessa guerra contra o Coronavirus. Contamos com você.