Estima-se que 23 milhões de brasileiros sofram com algum transtorno mental. Ansiedade e depressão estão entre as doenças mais comuns e podem ser prevenidas com mudanças nos hábitos de vida. Janeiro Branco é o mês da conscientização sobre a saúde mental e de acordo com o Portal Fale Abertamente, no Brasil, estima-se ao menos cinco milhões apresentam níveis moderados e graves dessas doenças.

Saúde x doenças -A preservação da saúde mental é uma tarefa que requer a adoção de um estilo de vida saudável e consciente. Doenças como a ansiedade e a depressão podem ser originadas de uma rotina de estresse e pouca atenção aos sinais que o corpo dá. Por isso, é essencial que a saúde e bem-estar do indivíduo estejam em primeiro plano.

De acordo com o assessor médico do Grupo FQM e neurologista, dr. Willians Lorenzatto, a depressão é uma doença que tem como característica uma sensação de tristeza profunda e crônica, com baixa autoestima, choro, angústia, sentimento de culpa e inutilidade, presença de pensamentos negativos constantes e perda no prazer das atividades cotidianas. Podem aparecer alterações do apetite, libido, distúrbios gastrointestinais, assim como desregulação do sono, fadiga, cansaço e dificuldade para se concentrar e perda de memória.

Ansiedade – Já na ansiedade, há uma preocupação excessiva não controlada pelo indivíduo, falta de controle sobre os pensamentos ou atitudes e sensação contínua de que algo ruim vai acontecer. Junto com a ansiedade, também podem surgir inquietação, nervosismo, fadiga, cansaço, além da dificuldade para se concentrar e alterações de sono. Entre os sintomas físicos estão a falta de ar, sudorese, a mão gelada, boca seca, tontura e náuseas, palpitações, dor no peito entre outras. “Temos de lembrar que as duas doenças costumam estar juntas e os sintomas podem estar associados”, alerta o especialista.

Estresse – Observar a própria rotina e identificar os fatores que geram estresse é o ponto de partida para a busca de um psicológico saudável. Dessa forma, é possível evitar essas situações ou trabalhar para mudá-las. É muito importante que a pessoa saiba reconhecer as suas próprias limitações e compreender que é imperfeito. Assim, é possível levar a vida de forma leve e sem sentimento de culpa.

Prazer – Realizar atividades que proporcionem momentos de prazer é essencial para um bom estado mental. Seja a prática de esportes, atividades artísticas, ou outros hobbies, como viagens, gastronomia ou leitura. O importante é que haja um momento de escape e um equilíbrio entre o trabalho, estudos e a vida pessoal.

Ansiedade – “A ansiedade e a depressão são tratáveis e o objetivo é recuperar a qualidade de vida do paciente. Quando esses sintomas são muito intensos e frequentes, interferindo na atividade profissional e no convívio social, o médico deve ser procurado. Outro fator que deve ser observado para um atendimento mais precoce é a presença de ideação suicida”, orienta Dr. Lorenzatto.

Desde 2018, o Fale Abertamente é uma iniciativa da FQM que tem o intuito de promover informação a respeito de saúde mental. A ação conta com site e redes sociais que trazem esclarecimento sobre depressão, ansiedade, pânico, bipolaridade e Alzheimer.

Referenciadas- Todas as informações compartilhadas em suas mídias são referenciadas por estudos e protocolos de entidades reconhecidas.  Na plataforma, o usuário ainda encontra dicas de prevenção e tratamentos gratuitos ou populares. Seus conteúdos podem ser acessados por meio do site ou pelo Instagram.

Saiba mais

A FQM é uma empresa do setor farmacêutico que está presente no Brasil desde 1932.

Fonte: Way Comunicações Tel.: (11) 3862-1586, 3862-0483/ Elenice Cóstola – elenicecostola@waycomunicacoes.com.br- WhatsApp(19) 99601-5900