Pela primeira vez os efeitos conjuntos da periodontite e da deficiência da vitamina D foram examinados em diabéticos, indica pesquisa feita nos Estados Unidos. Estima-se que em 2015, um em cada dez adultos tinham diabetes. Há cerca de 1,5 milhão de novos casos diagnosticados por ano nos EUA. Embora haja alguns fatores de risco bem conhecidos para a diabetes, como obesidade e hipertensão arterial.

Recentemente, uma equipe da Universidade de Toronto (Canadá), pesquisou a potencial influência da deficiência de vitamina D e da periodontite. Aleksandra Zuk, autora do estudo, explica que “a vitamina D não é apenas útil para a saúde óssea, mas também mostra efeitos antimicrobianos e anti-inflamatórios. Níveis suficientes de vitamina D podem potencialmente diminuir a inflamação e afetar os micróbios orais relacionados com a doença da gengiva”.

Enquanto a vitamina D tem papel no combate às infecções e na redução da inflamação, algumas pesquisas mostraram que os receptoras da vitamina D estão diretamente associados à periodontite.

Os pesquisadores recolheram informações do National Health and Nutrition Examination Survey 2009–2010. A mostra incluiu dados de 1.631 pessoas com diabetes tipo 2 e de 1.369 sem a doença. Todos os participantes tinham mais de 30 anos de idade, e cada indivíduo foi submetido a um exame dentário e foi avaliado para os níveis de vitamina D e medidas de glicose e insulina em jejum. “Consistentemente, os efeitos conjuntos da insuficiência de vitamina D-3 e da insuficiência total de vitamina D com a periodontite foram significativamente associados à diabetes”. Os dados mostraram que, separadamente, a periodontite e a deficiência de vitamina D aumentam o risco de diabetes tipo 2. Os autores também descobriram que quando os dois fatores se combinam, o risco é maior do que a soma dos efeitos individuais.

Mais estudos vão ser necessários para confirmar os resultados e aprofundar mais os mecanismos envolvidos. Como cerca de metade dos adultos nos EUA têm doença da gengiva e mais de 40% são deficientes em vitamina D, as conclusões do estudo podem ser extremamente importantes. Se estas as descobertas forem reconfirmadas, será possível oferecer uma nova maneira de abordar a diabetes em alguns casos.

Este estudo é o primeiro a examinar os efeitos conjuntos da periodontite e da insuficiência de vitamina D na diabetes.
Os resultados dos pesquisadores foram publicados no BMJ Open Diabetes Research & Care.


Fonte: Medical News Today
Autor: Tim Newman
Artigo original MNT: “What’s the link between vitamin D, gum health, and diabetes?”